Narcolepsia

Definição

A narcolepsia é um distúrbio do sono que causa sonolência excessiva e frequentes ataques de sono diurno.

Nomes alternativos

Distúrbio do sono diurno; Cataplexia

Causas

Especialistas não sabem a causa exata da narcolepsia. Ela pode ter mais de uma causa.

Muitas pessoas com narcolepsia apresentam quantidades reduzidas de uma proteína chamada orexina ou hipocretina. Esta substância é produzida pelo cérebro e ajuda você a ficar acordado. Em algumas pessoas com narcolepsia, há uma quantidade menor de células que produzem a orexina. Isto pode ser devido a uma reação autoimune, quando o sistema imune do indivíduo ataca tecidos saudáveis por engano.

A narcolepsia tende a ser hereditária. Pesquisadores identificaram alguns genes associados à narcolepsia.

Sintomas

Os sintomas geralmente começam entre os 15 e 30 anos. Os sintomas mais comuns estão listados a seguir.

SONOLÊNCIA DIURNA EXTREMA

CATAPLEXIA

ALUCINAÇÕES

PARALISIA DO SONO

A maioria das pessoas com narcolepsia tem sonolência diurna e cataplexia. Nem todos têm todos esses sintomas. Surpreendentemente, apesar de estarem muito cansadas, muitas pessoas com narcolepsia não dormem bem à noite.

Existem dois principais tipos de narcolepsia:

Sinais e exames

O médico realizará um exame físico e fará perguntas sobre os seus sintomas.

Exames podem ser solicitados para descartar condições que possam causar sonolência excessiva. Elas incluem:

Outros exames podem ser solicitados, incluindo:

Tratamento

Não há cura conhecida para a narcolepsia. O objetivo do tratamento é controlar os sintomas.

MUDANÇAS NO ESTILO DE VIDA

Certas mudanças podem ajudar a melhorar seu sono durante a noite, diminuindo a sonolência diurna:

As recomendações a seguir podem ajudá-lo a melhorar situações sociais e no trabalho.

MEDICAMENTOS

Nunca tome medicamentos sem antes consultar o seu médico.

Expectativas (prognóstico)

A narcolepsia é uma condição crônica.

Não é uma doença fatal, mas pode ser perigosa se os episódios ocorrerem durante a condução de carros, utilização de máquinas ou atividades similares.

Geralmente, a narcolepsia pode ser controlada com o tratamento. O tratamento de outros distúrbios do sono subjacentes pode melhorar os sintomas da narcolepsia.

Complicações

Complicações incluem:

Quando contatar um profissional de saúde

Entre em contato com o seu médico se:

Prevenção

Não há uma forma conhecida de se prevenir a narcolepsia. O tratamento pode reduzir o número de ataques. Evite situações que agravam a doença se estiver propenso a ataques de narcolepsia.

Referências

Chokroverty S, Avidan AY. Sleep and its disorders. In: Daroff RB, Jankovic J, Mazziotta JC, Pomeroy SL, eds. Bradley's Neurology in Clinical Practice. 7th ed. Philadelphia, PA: Elsevier; 2016:chap 102.

Krahn LE, Hershner S, Loeding LD, et al; American Academy of Sleep Medicine. Quality measures for the care of patients with narcolepsy. J Clin Sleep Med. 2015;11(3):335. PMID: 25700880 www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25700880.

Mignot E. Narcolepsy: genetics, immunology, and pathophysiology. In: Kryger M, Roth T, Dement WC, eds. Principles and Practice of Sleep Medicine. 6th ed. Philadelphia, PA: Elsevier; 2017:chap 89.


Data da revisão: 8/7/2017
Revisão feita por: Amit M. Shelat, DO, FACP, Attending Neurologist and Assistant Professor of Clinical Neurology, SUNY Stony Brook, School of Medicine, Stony Brook, NY. Review provided by VeriMed Healthcare Network. Also reviewed by David Zieve, MD, MHA, Medical Director, Brenda Conaway, Editorial Director, and the A.D.A.M. Editorial team.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles. 1997- A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
adam.com