Glaucoma

Definição

O glaucoma refere-se a um grupo de doenças oculares que provocam danos no nervo óptico, nervo que carrega informações visuais do olho até o cérebro.

Em muitos casos, os danos ao nervo óptico resultam de um aumento da pressão dentro do olho, também conhecida como pressão intraocular.

Nomes alternativos

Glaucoma de ângulo aberto; Glaucoma crônico; Glaucoma de ângulo fechado; Glaucoma congênito; Glaucoma agudo; Glaucoma secundário; Perda da visão - glaucoma

Causas

O glaucoma é uma das principais causas de cegueira. Existem quatro tipos principais de glaucoma:

A parte frontal do olho é preenchida por um fluido claro chamado de humor aquoso. Esse fluido é constantemente produzido na parte posterior do olho, atrás da íris. Ele flui através de canais na parte frontal do olho, em uma área chamada de câmara anterior.

Qualquer coisa que diminua ou bloqueie o fluxo desse fluido pode provocar o aumento da pressão dentro do olho.

O glaucoma de ângulo aberto é o tipo mais comum de glaucoma.

O glaucoma de ângulo fechado ocorre quando há bloqueio súbito do fluxo de humor aquoso, ocasionando um aumento rápido, doloroso e grave na pressão intraocular.

O glaucoma secundário ocorre por uma causa conhecida. Tanto o glaucoma de ângulo aberto quanto o de ângulo fechado podem ter uma causa conhecida. incluindo:

O glaucoma congênito ocorre em bebês.

Sintomas

GLAUCOMA DE ÂNGULO ABERTO

GLAUCOMA DE ÂNGULO FECHADO

Os sintomas podem ser intermitentes no início ou piorarem rapidamente. Os sintomas incluem:

GLAUCOMA CONGÊNITO

Os sintomas costumam ser notados quando a criança tem alguns meses de vida.

GLAUCOMA SECUNDÁRIO

Sinais e testes

A única maneira de diagnosticar glaucoma é através da realização de um exame oftalmológico completo.

A pressão intraocular pode variar dependendo do horário. A medida da pressão poderá mesmo ser normal em pessoas com glaucoma. Por isso, testes complementares poderão ser necessários. Eles incluem:

Tratamento

O objetivo do tratamento é reduzir a pressão ocular. O tratamento depende do tipo de glaucoma.

GLAUCOMA DE ÂNGULO ABERTO

Se o uso de colírios não funcionar, você poderá precisar de outros tratamentos.

 GLAUCOMA DE ÂNGULO FECHADO

O ataque do ângulo fechado agudo é uma emergência médica. Você poderá ficar cego em poucos dias se não for tratado.

GLAUCOMA CONGÊNITO

GLAUCOMA SECUNDÁRIO

Em casos de glaucoma secundário, tratar a causa normalmente melhora os sintomas de glaucoma. Outros tratamentos poderão ser necessários.

Quando contatar um profissional de saúde

Procure assistência médica imediatamente caso haja dor grave no olho ou perda de visão repentina. Estes podem ser sintomas de glaucoma de ângulo fechado.

Prevenção

Não há como prevenir um glaucoma de ângulo aberto, mas pode-se evitar a perda da visão. A maioria das pessoas não apresenta sintomas. Diagnóstico precoce e cuidados meticulosos são as chaves para a prevenção da perda da visão.

Se você tem risco aumentado para glaucoma agudo, seu médico poderá recomendar tratamento antes mesmo de um episódio de glaucoma agudo, para prevenir dano ocular e perda da visão.

Referências

Anderson DR. The optic nerve in glaucoma. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins; 2013:chap 48.

Giaconi JA, Law SK, Caprioli J. Primary angle-closure glaucoma. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins; 2013:chap 53.

Gross RL. Current medical management of glaucoma. In: Yanoff M, Duker JS, eds. Ophthalmology. 4th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2014:chap 10.24.

Heijl A. Glaucoma treatment: by the highest level of evidence. Lancet. 2015;385(9975):1264-1266. PMID: 25533655 www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25533655.

Kwon YK, Caprioli J. Primary open-angle glaucoma. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins; 2013:chap 52.

Mandelcorn E, Gupta N. Lens-related glaucomas. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins; 2013:chap 54A.

Moyer VA; U.S. Preventive Services Task Force. Screening for glaucoma: U.S. Preventive Services Task Force Recommendation Statement. Ann Intern Med. 2013;159(7):484-489. PMID: 24325017 www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24325017.

Rhee DJ. Which therapy to use in glaucoma? In: Yanoff M, Duker JS, eds. Ophthalmology. 4th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2014:chap 10.23.

Saheb H, Ahmed II. Micro-invasive glaucoma surgery: current perspectives and future directions. Curr Opin Ophthalmol. 2012;23(2):96-104. PMID: 22249233 www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22249233.


Data da revisão: 8/11/2015
Revisão feita por: Franklin W. Lusby, MD, ophthalmologist, Lusby Vision Institute, La Jolla, CA. Internal review and update on 09/01/2016 by David Zieve, MD, MHA, Isla Ogilvie, PhD, and the A.D.A.M. Editorial team.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles. 1997- A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
adam.com