Conjuntivite

Definição

A conjuntivite é a inflamação ou a infecção da conjuntiva, a membrana que cobre as pálpebras e a parte branca do olho.

A conjuntivite pode ser causada por infecção, substância irritante, secura ocular ou alergia.

Nomes alternativos

Inflamação - conjuntiva; Conjuntivite química

Causas

As lágrimas ajudam a proteger a conjuntiva lavando germes e substâncias irritantes. As lágrimas também contêm enzimas e anticorpos que matam germes.

Vírus e bactérias são as principais causas de conjuntivite.

A conjuntivite alérgica ocorre quando há inflamação devida a pólen, pelo de animais, mofo ou outras substâncias desencadeadoras de alergias.

Outras causas de irritação incluem:

Sintomas

Sintomas incluem:

Sinais e testes

O seu médico poderá realizar:

Tratamento

O tratamento da conjuntivite depende da causa.

A conjuntivite alérgica pode responder ao tratamento à alergia. Pode desaparecer sozinha quando o alérgeno que a causou é removido. Compressas frias podem ajudar a aliviar a conjuntivite alérgica.

Antibióticos, geralmente colírios, são eficazes para a conjuntivite bacteriana. A conjuntivite viral desaparece sozinha. Colírios contendo esteroide podem ser recitados para diminuir o desconforto.

Os olhos secos podem ser tratados com lágrimas ou pomadas artificiais. Siga as recomendações do seu médico.

Você pode acalmar seus olhos aplicando compressas quentes. Pressione panos limpos embebidos em água morna, com os olhos fechados. Outras medidas úteis incluem:

Expectativas (prognóstico)

O prognóstico é geralmente bom. A conjuntivite pode voltar se você não tomar medidas adequadas. A conjuntivite causada por vírus ou bactérias pode ser transmitida através do contato, atingindo famílias inteiras ou salas de aula.

O edema crônico do revestimento externo dos olhos, chamado conjuntivite vernal, pode ocorrer em pessoas com alergias crônicas ou asma. A conjuntivite vernal é mais comum em homens jovens e ocorre mais frequentemente durante a primavera e o verão.

Quando contatar um profissional de saúde

Entre em contato com o seu médico se:

Prevenção

Boa higiene pode ajudar a prevenir a disseminação da conjuntivite:

Referências

Alvarenga LS, Ginsberg B, Mannis MJ. Bacterial conjunctivitis. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013 ed. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins;2013:vol 4, chap 5.

Bhatt U, Lagnado R, Dua HS. Follicular conjunctivitis. In: Tasman W, Jaeger EA, eds. Duane's Ophthalmology 2013 ed. Philadelphia, PA: Lippincott Williams & Wilkins;2013:vol 4, chap 7.

Centers for Disease Control and Prevention. Conjunctivitis (pink eye): prevention. Updated June 30, 2016. www.cdc.gov/conjunctivitis/about/prevention.html. Accessed September 9, 2016.

Rubenstein JB, Tannan A. Conjunctivitis: infectious and noninfectious. In: Yanoff M, Duker JS, eds. Ophthalmology. 4th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2014:chap 4.6.

Wright JL, Wightman JM. Red and painful eye. In: Marx JA, Hockberger RS, Walls RM, et al, eds. Rosen's Emergency Medicine: Concepts and Clinical Practice. 8th ed. Philadelphia, PA: Elsevier Saunders; 2014:chap 22.


Data da revisão: 8/20/2016
Revisão feita por: Franklin W. Lusby, MD, ophthalmologist, Lusby Vision Institute, La Jolla, CA. Also reviewed by David Zieve, MD, MHA, Isla Ogilvie, PhD, and the A.D.A.M. Editorial team.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles. 1997- A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
adam.com